domingo, 9 de agosto de 2015

Orişá - Manifestação ou Incorporação?



Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá
Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico
Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”
Publicação 640

Um comentário:

  1. Saudações mestre,

    Bem propicia essa colocação com relação a manifestação daquilo que vem de dentro, e conversavamos sobre isso quando a caminho do Ile oka no sabado, em comparações com as as coisas da jurema indigena, da raiz e do maracujá, do muyraquitan e tembeta, das pajelancas e xamanismo, e do seu processo de iniciação no qual o neófito é conduzido ao seu templo interior e ultrassado os limites que ele mesmo impôs ao seu despertar experimenta uma morte e renascimento que traz consigo mistérios como das forças da natureza, do próprio despertar da cobra que outros chamam de kundaline , da consciência de nossa integração com tudo e com todos e a própria expansão da consciência a qual em si é uma luz libertadora que rompendo os veus do inconsciente o torna mais consciente para nós ... Enfim a iniciação é mesmo um processo único e a camarinha da nação lembra mesmo , numa linguagem mais afeta a tradição africana, uma regressão como sugere o estado de erê e que culmina no encontro com o Orixá essencial que é uma face do Deus uno
    ...

    Mo juba baba, axé e bençãos dos ancestrais !

    Eduardo Parra

    ResponderExcluir