segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Casa Branca: A reforma...

Há alguns meses temos comentado em nosso blog sobre a inauguração de nosso templo em Itanhaém. Em função do grande período chuvoso neste início de mês não tivemos a oportunidade de finalizar as obras no tempo previsto e estamos em ajustes.


Gostaríamos de mencionar nesta publicação alguns comentários sobre o processo de construção do nosso espaço sagrado. Sabemos que as casas são espaços de suma importância para todas as pessoas, locais em que as famílias compartilham experiências. No universo do santo, as coisas não são diferentes. Ao contrário, as casas ganham uma importância vital porque guardam não apenas a família-de-santo como a relação destas com os Orixás. Nas casas-de-santo afro-brasileiras estão guardadas as várias tradições, e o axé das várias linhagens.

Em obediência ao ordenado pelo mundo espiritual estamos dando continuidade à tarefa de nosso último Mestre, W.W. da Matta e Silva. Como sucessor de sua linhagem estamos construindo nosso templo, transformando um espaço laico em espaço sagrado. Isto significa mobilizar pensamentos, sentimentos e ações de toda a família-de-santo em prol do axé que está sendo implantado.

A reforma de uma casa de santo não se equipara a uma reforma qualquer pois que estão envolvidas pessoas que entendem o espaço como um lócus propicio às hierofanias. A distância entre as divindades, os ancestrais e a comunidade acaba por ser minimizada porque as pessoas se sentem verdadeiramente engajadas a construírem um espaço que será deles, mas especialmente das divindades. É um lugar em que as duas realidades, Orun e Aiyê se tocam.

Seguem abaixo algumas fotos iniciais da reforma do Templo da Casa Branca de Okamaraguaçushaman ou Ilê Funfun Awô Oxôoogun (Casa Branca do Destino e da Cura das Religiões Afro-brasileiras).

Em nossa próxima publicação daremos continuidade aos vídeos em que explicávamos a história e contexto da umbanda esotérica e o grande trabalho de W.W.da Matta e Silva. Pedimos que todos observem a placa que já constava na casa com o nome Recanto do Curuçá. Isto só reforçou o compromisso com o trabalho de nossa raiz e linhagem.





Aranauam, Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá




Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico

Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”

Publicação 330

Nenhum comentário:

Postar um comentário