segunda-feira, 30 de julho de 2012

EXPANSÃO DAS RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS-NASCE MAIS UM TERREIRO!!


Aproveitando a última publicação em que comentávamos sobre a relação pai e filho espiritual, tendo como exemplo o vínculo estabelecido entre mim e Mestre Yapacani, gostaríamos de falar sobre um ritual interno destinado à louvação de exus e pomba-giras realizado no Templo de Mãe Fabíola no litoral paulista no último dia 27 de julho.
Mãe Fabíola é nossa filha há menos de um ano quando nos pediu orientações para guiar seu caminho espiritual e, desde então, tem sido orientada por nós para ajustar seu templo. Neste final de semana alguns de meus filhos espirituais já haviam sido convidados para nos auxiliar em nosso outro templo, que está sendo estruturado também no litoral. Assim, aproveitando a ocasião principal de acertar alguns detalhes de nosso templo, levamos nossos filhos ao ritual interno conduzido por Mãe Fabíola.
Descreveremos rapidamente o encontro pois todos sabem que nas religiões afro-brasileiras nada é possível de ser totalmente compreendido apenas em livros e, muito menos, em manuais. Uma característica fundamental de nossa cosmovisão é a transmissão oral vivenciada, ou seja, a apreensão se dá a partir de vivências de anos no universo “do santo”. De qualquer forma, aproveitamos o blog para compartilhar parte desse encontro com nossos amigos.
O ritual foi simples, sendo composto pelos filhos espirituais de Mãe Fabíola mais os filhos de nossa Casa de Fundamentos raiz, localizada em São Paulo. Após os rituais preparatórios como defumação, bater a cabeça para o Orixá a Pomba-gira que trabalha com Mãe Fabíola “desceu” em Terra. Nós estávamos participando, mas não tínhamos a intenção de incorporar, mas logo em seguida Sr. Capa Preta baixou e direcionou os trabalhos da Casa. Mãe Fabíola e a entidade Sra. Pomba-gira pediram que Sr. Capa Preta ordenasse a gira. Todos os exus trabalham em uníssono, com bastante sintonia em prol do bem estar coletivo dos que estavam e também daqueles que não estavam presentes.
O ritual se estendeu por algumas horas de bastante alegria e trabalho. Sabemos que a mediunidade e o comando de uma casa não são tarefas fáceis e requerem muita dedicação, trabalho, determinação, honestidade e convicção no astral superior.
Assim, desejamos que Mãe Fabíola tenha sucesso espiritual, mente lúcida e coração serenos para levar avante sua tarefa. Com certeza, mais uma luz brilha no céu do litoral paulista com o templo de Mãe Fabíola, que ora se estrutura nos fundamentos do axé. Axé!






Aranauam, Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá
Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico
Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”
Publicação 274


Nenhum comentário:

Postar um comentário