segunda-feira, 30 de abril de 2012

RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS

ENCANTARIA DOS CURANDEIROS

A encantaria, com sua rica e diversa liturgia, proporciona uma viagem ao interior profundo (imaginário) do indivíduo relacionando-o com o mundo invisível presente na dimensão oculta da natureza – A natura naturandis.
Sim, há os reinos ou cidades invisíveis em nossa dimensão, mas plenos de existência e “vida” constantemente repaginados em sítios “subaquáticos” (mar, rios, lagos), subterrâneos (cidades sob a terra, cavernas ou aberturas), aéreos ou eólicos (sobre as copas das árvores gigantes – de 5m ou mais), por dentro das pedreiras e cachoeiras, etc.
Os encantados tomam corpo e desenvolvem vários enredos por intermédio de vários rituais “encantados flechador” (tatu, jacarés, peixes, onças), “curador” (mestres que atuaram principalmente como líderes de suas comunidades, nas funções de “médicos ou curadores do mato”) e cientistas da macaia (magos e xamãs).
Estas entidades de reinos e cidades míticas, encantadas, são frutos da imensa sabedoria das religiões afro-brasileiras, onde se corrige, se promove justiça a várias populações deserdadas ou não dos bens econômicos e sociais, mas principalmente, aos sofredores de todos os matizes que invariavelmente encontram razão de vida e existência feliz com qualidade de vida melhorada efetivamente, quando se encantam com os encantados de todas as religiões afro-brasileiras.
Por isso e por tudo que nos ofertam em dádivas e benesses de várias dimensões, agradecemos as bênçãos de ter nascido e estar vivenciando as religiões afro-brasileiras e todos os seus encantos, de tantas realidades e realizações proporcionadas pelos: Orixá, Vodum, Inkisse, Caboclo, e todos os encantados sejam de onde forem seus “encantes”.
Salve, salve! Axé!
Nesta publicação disponibilizamos álbum de fotos de mais um Toque de Encantados da nossa Comunidade Terreiro - Casa de Fundamentos do Caboclo Urubatão da Guia, para que todos possam robustecer o quadro mental pelo texto acima observando e concluindo da importância e necessidade dos Encantados em nossa vida tão desencontrada e desencantada. Felizmente, com eles nos encontramos e ficamos, para sempre, “encantados”. Axé!



Aranauam, Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá
Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico
Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”
Publicação 248

Nenhum comentário:

Postar um comentário