quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Religiões Afro-brasileiras - diversidade não é alienação




Aranauam, Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá
Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico
Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”
Publicação 217

2 comentários:

  1. A diversidadede proporciona um exercicio de relacionamento.Interno no meu terreiro, com meu pai e meus irmãos, externo com toda a comunidade do santo e interior com os mentores espirituais. Diversidade e relacionamento é igual a aprendizado e liberdade

    Axé, Babami

    Yamatiara
    Yamatiara

    ResponderExcluir
  2. Creio ser maravilhoso poder vivenciar a diversidade.O Universo é diverso, o planeta é diverso, a população planetária é diversa.

    Assim como existem várias cores no mundo,sei que o colorido da diversidade nos proporciona uma vida mais feliz.

    É por isto que estou nas religiões afro-brasileiras, pois tenho a oportunidade de poder aprender e a exercitar a tão falada cidadania e a começar a conviver pacificamente com todos.

    E esse estilo de vida, sem rodeios, sem máscaras, sem padrões de comportamento pré estabelecidos, sem convencionalismos, ou seja, livre e verdadeiro, preenche minha vida.

    Este mesmo estilo de vida norteia meus pensamentos, meus sentimentos e minhas atitudes e me proporciona a possibilidade de eu saber quem eu sou e o que eu realmente quero para mim.

    Neste momento agradeço aos Orixás pela benção de ter um Mestre que estende seu axé a todos nós e lava nossos olhos tirando a sujeira do egoísmo e da vaidade sem propósito e nos faz enxergar que todos somos importantes.

    Axé Baba mi,
    Yaranacy.

    ResponderExcluir