segunda-feira, 4 de julho de 2011

Faculdade de Teologia Umbandista valorizando o Sacerdócio nas Religiões Afro-brasileiras

Resumo

Ano passado, mais precisamente no mês de outubro, recebemos em nossas dependências mais de duas mil pessoas em um grande congraçamento para a louvação de Exu. Contamos também com a presença de sacerdotes e sacerdotisas de todas as regiões do país e sacerdotes do MERCOSUL (Uruguai) que muito nos honraram. Cada um com as suas diferenças, cada um carregando a sua Tradição; porém todos dialogando pelos pontos de semelhança.

Este grande congraçamento em 2010 será repetido e aprofundado em um encontro no Rito de Exu deste ano que será precedido por um Congresso de Sacerdotes das mais diversas Escolas das Religiões Afro-brasileiras. Já estamos nos mobilizando para não só aumentar a quantidade de estados participantes deste congresso sacerdotal, como também realizar encontros itinerantes em várias regiões do país.

Palavras-chave: Congresso, Faculdade de Teologia Umbandista, Religiões Afro-brasileiras, Sacerdócio, União

Abstract

Last year, more precisely in the month of October, we received at our facilities more than two thousand people in a big praise for the rite of Exu. We had the presence of priests and priestesses from all regions of the country and priests of the MERCOSUL (Uruguay) which we are very honored. Each with their differences, each one carrying his tradition, but all the talking points of similarity.

This grand reconciliation will be and developed further in a meeting in this year rite of Exu that will be preceded by a congress of priests from various Afro-Brazilian schools. We are already mobilizing to not only increase the number of states participating in this Congress for Priests, as well as traveling to hold meetings in various regions of the country.

Keywords: Congress, Faculdade de Teologia Umbandista, Afro-Brazilian religions, priesthood, Union


Faculdade de Teologia Umbandista valorizando o Sacerdócio nas Religiões Afro-brasileiras

A FTU(Faculdade de Teologia Umbandista ), fundada por nós, é uma IES (Instituição de Ensino Superior) autorizada e credenciada pelo MEC(Ministério da Educação) para formar bacharéis em teologia com ênfase nas Religiões Afro-brasileiras, sendo até os dias de hoje a única em seu gênero. Esta nobre instituição tem realizado uma séria de atividades teológicas que são a manifestação da própria interface entre Ciência e Religião, ideia propugnada por nós.

Ano passado, mais precisamente no mês de outubro, recebemos em nossas dependências mais de duas mil pessoas em um grande congraçamento para a louvação de Exu. Contamos também com a presença de sacerdotes e sacerdotisas de todas as regiões do país e sacerdotes do MERCOSUL (Uruguai) que muito nos honraram. Todos os Estados do Sul (Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina) e do Sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais); além da região Centro-Oeste (Mato Grosso, Goiás); Norte (Amapá); Nordeste (Ceará, Piauí, Alagoas, Pernambuco) estiveram no templo existente na FTU e participaram ativamente do Rito conduzido por nós. Cada um com as suas diferenças, cada um carregando a sua Tradição; porém todos dialogando pelos pontos de semelhança.

Este rito se processou tanto no espaço interno da FTU, quanto na rua que fora fechada em acordo com a prefeitura de São Paulo. Ou seja, simbolicamente o Rito de Exu representou uma manifestação de união que extrapola o templo, está na esfera pública tão bem expressa na rua, locus onde todos se encontram e interagem independente de condições socioeconômicas.

Este grande congraçamento em 2010 será repetido e aprofundado em um encontro no Rito de Exu deste ano que será precedido por um Congresso de Sacerdotes das mais diversas Escolas das Religiões Afro-brasileiras. Já estamos nos mobilizando para não só aumentar a quantidade de estados participantes deste congresso sacerdotal, como também realizar encontros itinerantes em várias regiões do país.

Enfatizamos também que além de ser um evento para troca de experiências e fortalecimento da nossa amizade, servirá como preparatório para o IV Congresso Brasileiro de Umbanda do Século XXI que este ano recebe o seguinte tema: “Arte, Filosofia e Ciência nas Religiões Afro-brasileiras: FTU promovendo o diálogo interdisciplinar”. Ou seja, não apenas sacerdotes construirão saberes importantes, mas cientistas, filósofos e artistas estarão discutindo de forma interdisciplinar questões importantes das Religiões Afro-brasileiras.

A FTU mantém contato constante com a classe sacerdotal, bastiões da Tradição Oral, dialogando intensamente no sentido de propor e ouvir ideias. Para servir como preparativo do nosso Congresso Sacerdotal e o leitor do Blog tomar contato cada vez mais com a diversidade das Religiões Afro-brasileiras, na próxima publicação e sempre que possível divulgaremos algumas entrevistas que nossos amigos, pais e mães espirituais, gentilmente cederam para a faculdade. Axé!

Aranauam, Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá

Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico

Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”

Publicação 161

4 comentários:

  1. Que alegria!!!
    Tantas realizações promovidas pela F.T.U, promovendo o dialogo construtivo com todos.

    Axê, Baba mi

    ResponderExcluir
  2. Que alegria!!!
    Tantas realizações promovidas pela F.T.U, promovendo o dialogo construtivo com todos.

    Axê, Baba mi

    ResponderExcluir
  3. Aranauam a todos!!
    Muito bom o texto,explanando sobre a FTU e sua importancia no cenário das religiões Afro-Brasileiras...
    Lembro bem que nosso Mestre fez vários encontros "on-line",proporcionando uma troca de experiência ímpar com pais e Mães de Santo de Templos do país inteiro!!!
    Os Congressos também estão trazendo outros Templos para que possamos trocar experiências!!Têm sido muito gratificante!!
    Sua Bênção,meu Pai,hoje e Sempre!!!
    Yarashava.

    ResponderExcluir
  4. Benção Mestre, Axé Baba mi

    Que maravilha, mais um encontro realizado pela FTU.
    Me orgulho de fazer parte desta história que o sr vem construindo.
    Paô para FTU e para as religões afro-brasileiras.
    Axé Babá mi, sua benção
    Yamaracy

    ResponderExcluir