segunda-feira, 22 de novembro de 2010

III Congresso Brasileiro de Umbanda do Século XXI

CONTRIBUIÇÃO DA FTU À LEGITIMAÇÃO ACADÊMICA

DAS RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS OU UMBANDA


RESUMO

Nos dias 13 e 14 de novembro a FTU – Faculdade de Teologia Umbandista realizou o III Congresso Brasileiro de Umbanda. Um conceito novo de resgate e de retratar as religiões afro-brasileiras ou Umbanda. Evento realizado num ambiente de paz e interesse demonstrado pelos 250 congressistas presentes, vindos de várias regiões do país, demonstrando que as religiões afro-brasileiras ou Umbanda tem público para um acontecimento deste jaez.

A FTU, por intermédio de sua direção, corpo docente e discente tem procurado elevar de maneira ímpar, as religiões afro-brasileiras ou Umbanda ao patamar de excelência, por dentro do meio acadêmico, permitindo ao corpo discente dispor de conhecimento e pesquisas de ponta.

O próprio congresso é utilizado como uma incursão à iniciação científica, promovendo o interesse do futuro teólogo na pesquisa e na educação continuada, induzindo-o a cursos de pós-graduação – lato senso ou strictu senso, nos níveis de especialização, mestrado e doutorado, respectivamente.

Palavras-chave: Academia, Congresso, Inclusão, FTU, Religiões Afro-brasileiras

ABSTRACT

On November 13 and 14, FTU - Faculdade de Teologia Umbandista (Umbanda Theology College) held the III Brazilian Congress of Umbanda. A new concept of redemption and portray african-brazilian religions or Umbanda. Event held in an atmosphere of peace and interest shown by the 250 people present, from various regions of the country, showing that the african-brazilian religions or umbanda has enough public an event of this size.

FTU, through its management, teachers and student body has sought to raise in a unique way the african-brazilian religions or Umbanda to the level of excellence within the academic environment, allowing the student body to have knowledge and advanced research.

The Congress itself is used as an incursion into basic scientific research, promoting the interest of the future theologian in research and continuing education, inducing him to postgraduate courses - broad sense or strict sense, specializations, masters and doctoral respectively.

Keywords: Academy, Congress, Inclusion, FTU, Afro-Brazilian Religions

III CONGRESSO BRASILEIRO DE UMBANDA DO SÉCULO XXI

CONTRIBUIÇÃO DA FTU À LEGITIMAÇÃO ACADÊMICA DAS RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS OU UMBANDA

Nos dias 13 e 14 de novembro a FTU – Faculdade de Teologia Umbandista realizou o III Congresso Brasileiro de Umbanda. Um conceito novo de resgate e de retratar as religiões afro-brasileiras ou Umbanda.

No púlpito vários oradores, muitos deles professores consagrados em suas disciplinas, deram o tônus e realce ao evento.

Evento realizado num ambiente de paz e interesse demonstrado pelos 250 congressistas presentes, vindos de várias regiões do país, demonstrando que as religiões afro-brasileiras ou Umbanda tem público para um acontecimento deste jaez.

A FTU, por intermédio de sua direção, corpo docente e discente tem procurado elevar de maneira ímpar, as religiões afro-brasileiras ou Umbanda ao patamar de excelência, por dentro do meio acadêmico, permitindo ao corpo discente dispor de conhecimento e pesquisas de ponta.

O próprio congresso é utilizado como uma incursão à iniciação científica, promovendo o interesse do futuro teólogo na pesquisa e na educação continuada, induzindo-o a cursos de pós-graduação – lato senso ou strictu senso, nos níveis de especialização, mestrado e doutorado, respectivamente.

Para tanto a FTU no seu curso de graduação em Teologia – bacharelado tem um corpo docente experiente e titulado que levam o aluno ao interesse pelo estudo e pesquisa, fatores necessários para a Teologia, que necessita de senso crítico apurado e espírito investigativo, embora respeite as virtudes teologais, considera imprescindível o conhecimento das religiões afro-brasileiras ou Umbanda, mormente em seus aspectos dialógicos endógenos (diálogo intra-religioso) e exógenos (diálogo inter-religioso) e com outros setores do conhecimento (diálogo interdisciplinar).

Depois destas incursões na missão acadêmica da FTU, que sumarizamos, não podemos olvidar o papel agregante e de disseminação da necessidade da educação na vida das pessoas.

Desde sua implantação em 2004 (autorizada pelo MEC no final de 2003) observamos que muitos adeptos das religiões afro-brasileiras ou Umbanda foram se habilitar (completar o curso médio) e após serem aprovados no vestibular, cursar a FTU. O mesmo acontecendo com simpatizantes da Teologia, mas que não são adeptos das religiões afro-brasileiras ou Umbanda. Sem a menor dúvida a FTU tem sido uma indutora de mudanças no espírito dos adeptos e não adeptos das religiões afro-brasileiras, pois promove uma maior habilitação de seus alunos, aumentando seus anseios de ascensão sócio-cultural, proporcionando um maior senso crítico que se manifesta na melhoria das condições de vida, decorrência direta de estudos e pesquisas realizadas e por uma visão mais ampliada das necessidades sociais, culturais e econômicas, tendo, pois, maior critério da escolha ideológica, política, manifestada no sufrágio consciente.

Após sumário necessário e que introduz a sinopse do Congresso, constante no vídeo que disponibilizamos, reiteramos a necessidade dos adeptos das religiões afro-brasileiras se habilitarem a cursar uma faculdade de Teologia, como também os que possuem curso superior se titularem nos graus de especialista ou mestres e doutores. Assim fazendo estarão propugnando a todos que as religiões afro-brasileiras não são indenes aos problemas sociais, culturais, políticos e econômicos, ao contrário querem contribuir não só nos aspectos religiosos, mas também nas mudanças paradigmáticas na sociedade brasileira. Axé!





Aranauam, Motumbá, Mucuiú, Kolofé, Axé, Salve, Saravá

Rivas Neto (Arhapiagha) – Sacerdote Médico

Ifatosh'ogun "O sacerdote de Ifá que tem o poder de curar”

Publicação 93

Nenhum comentário:

Postar um comentário